Avaliação da capacidade de carga à tração de um conjunto de estacas metálicas helicoidais de uma linha de transmissão de energia

Roney de Moura Gomes
Groundtech Engenharia, Rio de Janeiro, Brasil, roney@groundtech.com.br

José da Paz Morais Filho
SBEISK, São Paulo, Brasil, jose.morais@sbeisk.com.br

Erisvaldo de Lima Juvêncio
COPPE/UFRJ, Rio de Janeiro, Brasil, erisvaldo.lima@gmail.com

As estacas metálicas helicoidais têm uso bastante difundido e crescente no Brasil, sobretudo em fundações de torres de Linha de Transmissão de energia elétrica, por conta de sua versatilidade. Esse artigo tem como objetivo apresentar uma avaliação da capacidade de carga à tração de um vasto banco de dados de estacas metálicas helicoidais utilizadas em fundações de uma obra de linhas de transmissão de energia elétrica. Na obra em questão foram executadas estacas de 2 diferentes modelos, e cerca de 1200 elementos foram submetidos a ensaios de rotina (“arrancamento”). Foram disponibilizados também ensaios de convalidação. Os seguintes parâmetros foram considerados na análise: (i) geometria das estacas; (ii) profundidade e inclinação de instalação; (iii) torque registrado ao final da instalação e (iv) deslocamento medido nos ensaios de rotina. A análise dos dados permitiu: (a) avaliar a aplicação da previsão de capacidade de carga pelo Método do Torque, (b) a calibração do parâmetro Kt para cada tipo de estaca, e (c) uma avaliação dos critérios de ruptura para as curvas carga x deslocamento.



Clique aqui para efetuar o download do artigo em formato PDF.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *