Análise estatística para o entendimento nas movimentações próximas as atividades de mineração

Matheus Cardoso Esposito Rafael
UFOP, Ouro Preto, Brasil, matheus_cer@hotmail.com

Maria Isabel Martínez López
UFOP, Ouro Preto, Brasil, maria.isabel.megaconsulting@gmail.com

Iuri Viana Brandi
UFOP, Ouro Preto, Brasil, iuri.brandi@vale.com

Rodrigo Peluci de Fiqueiredo
UFOP, Ouro Preto, Brasil, rpfigueiredo@demin.br

Os estudos sobre cavidades subterrâneas em litologia ferrífera são encetativos e foram estimulados pelo aumento da demanda global por minério de ferro, que consequentemente ampliou os estudos por jazidas deste recurso. A necessidade de criar uma base cientifica para determinar uma área de influência para preservação de cavidades naturais subterrâneas vêm reunindo esforços da comunidade acadêmica junto com empresas privadas que atuam próximas à estas formações. O presente estudo utiliza dados de um estudo promovido pela Vale S.A. para identificar relações entre movimentação de uma cavidade presente na mineração N4E com os dados de sismos e de plano de fogo. Devido o grande número de variáveis foi escolhido a utilização de estatística multivariada, o método de análise de componentes principais foi adotado e os resultados demonstraram uma similitude com os estudos de prognóstico de atenuação de vibrações.



Clique aqui para efetuar o download do artigo em formato PDF. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *